Sendo rica no Festival de Inverno de Pedro II

Quem poderia imaginar que no estado do Piauí com temperaturas exorbitantes que passam dos 50ºC e com sensação térmica de 2.345.678ºC possa existir um Festival de Inverno?

Pois acreditem que existe! Existe e é na cidade de Pedro II que é considerada a Suiça piauiense porque consegue chegar a uma temperatura de 35ºC (isso é frio para os piauienses, entendeu?).

De 23 a 26 de junho de 2011 acontece a oitava edição do Festival de Inverno de Pedro II que traz ótimas atrações nacionais (estou sendo generosa, aproveitem!). Como sou piauiense é claro que só vou para ver o que vem de fora, as atrações nacionais como: Edson Cordeiro, Nando Reis e Vanessa da Mata (que amo).

O Show do Edson Cordeiro foi simplesmente perfeito! A bee ahazoooo! Nando Reis também deu um show… Minha diva Vanessa da Mata vai simplesmente barbarizar e tremer Pedro II.

Como resolvi ir pra Pedro II em cima da hora, não encontrei uma pousada ou hotel para me hospedar, pois estavam tudo lotados. O que consegui foi uma casinha muito singela de uma amiga da Mazé para me hospedar. A casa era bem trash, na entrada logo, tinha uma cruz de um rapaz que é filho da dona da casa que morreu há tempos atrás engasgado com uma espinha de peixe e foi enterrado lá mesmo e o moço se chamava Benedito. Uma noite dessas após o show, cheguei bebâda e vi Bené, conversamos muitooooo.

Mais abaixo vocês ficam com algumas imagens da riqueza que é Pedro II, começando por essa mulher fina com cara de rica (que sou eu, claro!) e um look de inverno Dior 2011 especialmente para o festival, a entrada da cidade de Pedro II-PI, as opalas (Pedro II é a segunda produtora mundial de opala), Cachoeira do Salto Liso (encantadora), Museu da roça (um terreno com 1 monte de tralha junto pra chamar gente), Morro do Gritador (muito lindo), a arquitetura em estilo colonial (como se vê em algumns prédios e na catedral da cidade) e finalmente as redes feitas em Pedro II (Mazé, minha doméstica que sempre tenta me explorar, pediu pra eu trazer três pra ela e uma rede lá custa 800 reais a mais simples, juraaaaa que vou levar!).

O Piauí ainda não está preparado para meus looks! Causei muito em rápidas aparições na Praça da Bonelle onde fica o Palco Opala, o palco principal com as atrações nacionais. Primeira vez na minha vida que consigo me sentir rica no Piauí. Vejam só a minha ostentação nos quatro dias de Festival de Inverno:

No 1º dia fui de Prada, chegando no local do show do Edson Cordeiro, percebi de longe o olhar das pessoas que não são acostumadas com inverno e alta-costura, pois em Teresina e em outras cidades do Piauí, se você fizer uma mecha rosa ou azul no cabelo, você é novidade, todo mundo te olha como algo sobrenatural. Eu estava uma esquimó luxuosa a la Audrey Hepburn.

No 2° dia, para ver Nando Reis, resolvi causar ainda mais com meu modelito de Inverno 2011 da Gucci, com oclão e tudo, porque enfim, eu posso! As mulheres piauienses todas olharam e viraram a cara, sei que com ódio e frustração por não ficarem belas em modelitos assim tão refinados.

Enfim, 3º dia… Show da Vanessa da Mata, não poderia fazer feio de jeito nenhum e ousei com mais um look GUCCI para terminar de matar todos de inveja. Desculpa se causei depressão em vocês que me viram fervendo no show, mas bem de longe da multidão. Afinal, a gente se junta mais não se mistura. Quando acabaou Vanessa, ia tocar uma banda de Teresina chamada Validuaté, com músicas muito boas e peformaces legais, mas como sou piauiense, jamais ficaria para ver banda local, preferi ir embora dali e ir pra outro lugar. Dei uma passada no Bar La Kondê e depois fui no Planeta Diário, mas lembrei daquele escândalo homofóbico todo que teve lá contra duas lésbicas (veja aqui) em Teresina. Sou da antihomofobia e apesar de ser nojenta e abusada muitas vezes, prezo pelo respeito aos seres humanos e a liberdade para serem o que quiserem e decidi passar longe de lá.

No 4º dia, sinceramente fui cedo para a cachoeira do Salto Liso e pra um tal de Buritizinho tomar café. Andei pela cidade e gastei quase o equivalente a 20 mil euros em joias de opala. Preciso ajudar meu estado! Vesti um vestido Channel e botas e bolsa Prada e óculos Dior. Vieram uma multidão atrás de mim pensando que fosse a Paris Hilton ou uma atriz de Hollywood (até que pareço, né?). Depois disso, fui embora de Pedro II, pois jamais iria ficar pra ver show de Trombone & cia e Dalmir Filho.

1 Comment

Filed under arquitetura, bares e restaurantes, celebridade piauiense, cultura, festival de inverno de Pedro II, moda, mulher piauiense, turismo

One response to “Sendo rica no Festival de Inverno de Pedro II

  1. Ana Lúcia

    COITADA , IDIOTA de mais

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s